INSTITUTO PORTUGUÊS DE ACREDITAÇÃO
Informação geral
Acreditação L0279
Referencial NP EN ISO/IEC 17025
[As acreditações para o referencial em causa encontram-se em transição da sua versão de 2005 para a de 2018 - Consulte as Circulares IPAC 5/2018, 1/2019 e 8/2020]
Entidade Instituto Português do Desporto e Juventude, IP - Laboratório de Análises de Dopagem
Sigla IPDJ - LAD
Data de Concessão 2001-06-08
Certificado em vigor 2020-05-21
Contacto Dr. João Ruivo
Esta acreditação envolve o regime da acreditação flexível global. Consulte também a respetiva Lista de Ensaios.
Locais abrangidos
Endereço Av. Prof. Egas Moniz (Estádio Universitário)
1600-190 Lisboa
Distrito Lisboa
Telefone 210 540 360
Fax .
E-mail lad.qualidade@ipdj.pt
Âmbito de acreditação - Local: 1600-190 Lisboa
Anexo técnico em vigor: 2021-02-17

Produto

Ensaio

Método

Categoria

[ Actividades forenses ]

Plasma, Soro e Urina Humanos  Tipo de características: Deteção de ESA's (Agentes Estimulantes da Eritropoiese) por técnica SAR-PAGE/duplo-blot  Flexibilidade tipo B 
Plasma, Soro e Urina Humanos  Tipo de características: Deteção de ESA's (Agentes Estimulantes da Eritropoiese) por técnica SAR-PAGE/single-blot  Flexibilidade tipo B 
Sangue Total Humano  Passaporte biológico - Módulo hematológico (Hemograma):
- Hematócrito por impedância
- Concentração Média de Hemoglobina Globular (CMHG)*
- Hemoglobina Globular média (HGM)*
- Hemoglobina por SLS-methemoglobina
- Plaquetas (contagem) por impedância
- Volume Globular Médio (VGM)*
- Leucócitos (contagem) por citometria de fluxo
- Contagem diferencial de leucócitos por citometria de fluxo com fluorescência
- Reticulócitos por citometria de fluxo com fluorescência
- Eritrócitos (contagem) por impedância
- Amplitude de Distribuição de Eritrócitos (RDW)* 
PT-BIO-06 
Soro Humano  Triagem e confirmação de Hormona de Crescimento (hGH) por técnica imunoluminométrica diferencial  PT-BIO-03 
Urina Humana  Confirmação qualitativa e quantitativa de 11-nor-9-carboxi-delta9-tetrahidrocanabinol (delta9-THC-COOH) por GC-MS  PT-GC-05 
Urina Humana  Confirmação qualitativa e quantitativa de formoterol por LC-MS/MS  PT-LC-04 
Urina Humana  Confirmação qualitativa e quantitativa de salbutamol por GC-MS  PT-GC-07 
Urina Humana  Confirmação qualitativa e semi-quantitativa de norandrogénicos (19-norandrosterona e 19-noretiocolanolona) por GC-MS  PT-GC-06 
Urina humana  Determinação da densidade por refratometria  PT-COC-01 
Urina humana  Determinação de pH por potenciometria  PT-COC-02 
Urina Humana  Tipo de características: Confirmação de consumo exógeno de esteróides endógenos por GC-C-IRMS  Flexibilidade tipo B 
Urina Humana  Tipo de características: Confirmação de esteróides androgénicos anabolisantes endógenos por GC-MS  Flexibilidade tipo B 
Urina Humana  Tipo de características: Confirmação de glucocorticóides e agentes anabolisantes por LC-MS/MS  Flexibilidade tipo B 
Urina Humana  Tipo de características: Confirmação qualitativa de Agentes Anabolisantes por GC-MS/MS  Flexibilidade tipo B 
Urina Humana  Tipo de características: Confirmação qualitativa de beta-2-agonistas por LC-MS/MS  Flexibilidade tipo B 
Urina Humana  Tipo de características: Confirmação qualitativa de beta-Bloqueantes por GC-MS/MS  Flexibilidade tipo B 
Urina Humana  Tipo de características: Confirmação qualitativa de Canabinóides por LC-MS/MS  Flexibilidade tipo B 
Urina Humana  Tipo de características: Confirmação qualitativa de diuréticos LC-MS/MS  Flexibilidade tipo B 
Urina Humana  Tipo de características: Confirmação qualitativa de Estimulantes por GC-MS  Flexibilidade tipo B 
Urina Humana  Tipo de características: Confirmação qualitativa de HIF's por LC-MS/MS  Flexibilidade tipo B 
Urina Humana  Tipo de características: Confirmação qualitativa de Hormonas e Moduladores Metabólicos por LC-MS/MS  Flexibilidade tipo B 
Urina Humana  Tipo de características: Confirmação qualitativa de Narcóticos por GC-MS/MS  Flexibilidade tipo B 
Urina Humana  Tipo de características: Confirmação qualitativa e quantitativa de codeína e morfina por LC-MS/MS  Flexibilidade tipo B 
Urina Humana  Tipo de características: Confirmação qualitativa e quantitativa de Efedrinas por LC-MS/MS  Flexibilidade tipo B 
Urina Humana  Tipo de características: Confirmação quantitativa de Esteróides endógenos por GC-MS/MS  Flexibilidade tipo B 
Urina Humana  Tipo de características: Confirmação semi-quantitativa de etanol e qualitativa de agentes dopantes de elevada polaridade por LC-MS/MS em coluna HILIC  Flexibilidade tipo B 
Urina Humana  Tipo de características: Triagem de substâncias dopantes da classe das hormonas e moduladores metabólicos, agentes anabolisantes, canabinóides, diuréticos, estimulantes, narcóticos, β-2-agonistas e determinação do perfil esteroidal por GC-MS/MS  Flexibilidade tipo B 
Urina Humana  Tipo de características: Triagem de substâncias dopantes da classe de agentes anabolisantes, canabinóides, diuréticos, estimulantes, glucocorticóides, hormonas e moduladores metabólicos, narcóticos, β-2-agonistas, β-bloqueantes e de outras substâncias dopantes por LC-MS/MS  Flexibilidade tipo B 
Urina Humana  Tipo de características: Triagem de substâncias dopantes da classe de agentes anabolisantes, canabinóides, diuréticos, estmulantes, glucocorticóides, hormonas e moduladores metabólicos, narcóticos, β-2-agonistas, β-bloqueantes e de outras substâncias dopantes por UHPLC-HRMS  Flexibilidade tipo B 
Urina Humana  Tipo de características: Triagem e confirmação de GHRF por UHPLC-HRMS  Flexibilidade tipo B 
Urina Humana  Triagem da hormona luteinisante (LH) por técnica imunométrica quimioluminescente em fase sólida  PT-BIO-01 
Urina Humana  Triagem e confirmação de gonadotrofina coriónica humana (hCG) intacta por electroquimioluminescência  PT-BIO-02 
Notas

Local

Notas
1600-190 Lisboa PT-BIO-xx, PT-GC-xx, PT-LC-xx e PT-COC-xx - métodos internos desenvolvidos pelo Laboratório segundo o definido no International Standard for Laboratories da Agência Mundial Antidopagem
- Os parâmetros assinalados com (*) são determinados por cálculo a partir dos resultados de outros parâmetros acreditados.
GC-MS: Cromatografia gasosa acoplada à espectrometria de massa
GC-MS/MS: Cromatografia gasosa acoplada à espectrometria de massa/massa
LC-MS/MS: Cromatografia líquida com espectrometria de massa/massa
SAR-PAGE: Sodium N-lauroylsarcosinate – Poliacrylamide Gel
GC-C-IRMS: Gas chromatography combustion isotope ratio mass spectrometry
UHPLC-HRMS: Cromatografia líquida com deteção por espetrometria de massa de alta-resolução
Este Laboratório possui um âmbito de acreditação com descrição flexível global, a qual admite a capacidade para implementar métodos dentro do enquadramento de competência dado por este Anexo Técnico.
O Laboratório tem disponível para consulta uma Lista de Ensaios sob Acreditação Flexível Global, permanentemente atualizada, discriminando os ensaios abrangidos e indexando-os à correspondente numeração do Anexo Técnico.
Os ensaios abrangidos identificam na coluna “Método de Ensaio” o tipo de flexibilidade aceite de acordo com os seguintes códigos:
Tipo A – Capacidade para implementar métodos normalizados e adicioná-los à Lista de Ensaios sob Acreditação Flexível;
Tipo B – Capacidade para implementar métodos desenvolvidos internamente ou adaptados pelo laboratório e adicioná-los à Lista de Ensaios sob Acreditação Flexível;
O responsável pela aprovação da Lista de Ensaios sob Acreditação Flexível e pela aprovação técnica dos métodos a incluir nessa Lista é o Dr. João Ruivo.
Este laboratório possui um âmbito de acreditação com descrição flexível intermédia, a qual admite a capacidade para implementar novas versões de documentos normativos no âmbito da acreditação.
Os ensaios abrangidos identificam-se pela omissão da versão do documento normativo associado na coluna “Método de Ensaio”.
O Laboratório tem disponível para consulta uma Lista de Ensaios Acreditados sob Acreditação Flexível Intermédia, permanentemente atualizada, discriminando os ensaios abrangidos.
O responsável pela aprovação da Lista de Ensaios Acreditados sob Acreditação Flexível Intermédia é o Dr. João Ruivo.
Categorias
0 - ensaios realizados nas instalações permanentes do laboratório
1 - ensaios realizados fora das instalações do laboratório ou em laboratórios móveis
2 - ensaios realizados nas instalações permanentes do laboratório e fora destas